Se você ler alguns livros em inglês, vai notar que seu inglês vai melhorar. Você irá começar a usar um novo vocabulário e gramática em sua escrita.

O uso de palavras e tempos verbais serão parte de você e o uso delas será espontâneo. As frases certas simplesmente irão aparecer em sua cabeça quando você estiver escrevendo ou falando.

O inglês vai se tornar fácil de usar, porque seu cérebro já viu ou ouviu várias vezes milhares de frases, lendo um livro em inglês.

Então, você para de cometer erros como “I sleeped much today ”, já que você viu a frase correta “I slept a lot today” inúmeras vezes.

Você verá seu progresso em inglês quando fazer um teste de múltipla escolha. Será possível olhar nas respostas e identificar qual é a correta. Pode ser que você não saiba porque aquela resposta é a correta, mas saberá que é, simplesmente porque já leu frases correlatas várias vezes.

Isto é útil para todas as palavras e regras gramaticais. Aliás, esqueça sobre as regras gramaticais. Você não precisa aprender as regras do “present perfect” e nem precisa saber o que é, invés disso, leia (livros, artigos) em inglês e você logo irá ver que “she have walked” está errado e “she has walked” é o correto.

Como?

Porque seu cérebro viu várias vezes a segunda frase e a primeira nenhuma. Assim, simplesmente a primeira frase irá soar como errada.

Você sabe o que difere um falante nativo de um estudante de inglês?

O falante nativo “sente” o que não está correto e sabe quando a frase soa errada (não natural) sem a necessidade de conhecer regras gramaticais.

E pode saber disso, porque já viu e ouviu milhares de frases durante toda a sua vida. Isto é, uma grande quantidade de input. E isto é o que difere um estudante de inglês de um falante nativo.

Você pode alcançar o nível de um falante nativo praticando bastante input.

Se exponha ao máximo a língua inglesa, pratique muito input e você verá o seu nível de inglês alavancar gradativamente e naturalmente.

Sabe qual a melhor parte sabendo disso? é que você não precisa pagar absolutamente nada para fazer input e aprender inglês. A internet está recheada de materiais free para você consumir (só tem que filtrar, é claro! para não consumir qualquer coisa), além de vários recursos que você pode usar para aprender inglês (aplicativos, podcasts, filmes, etc). 

Aproveite para ver os diversos conteúdos em nosso site para aprender inglês sozinho e gratuitamente. Aqui você irá encontrar conteúdo para todos os aspectos do inglês (listening, reading, writing, grammar, vocabulary), além de dicas e guias de aprendizagem em inglês, inclusive conteúdos sobre as diversas formas para praticar input. 

See ya!